ENOAMIGOS

Cursos e Consultoria em Vinhos

claudia@enoamigos.com.br

• Santos • São Paulo

Artigos
Falando de vinhos
Fonte: Cláudia Elaine Garcia de Oliveira
ARTIGOS 01-09-2009

Conhecer todos os ingredientes do prato e a personalidade do vinho é condição básica para harmonizar o vinho com o prato. Sabe-se que vinhos brancos combinam com peixes, frutos do mar e carnes brancas, e vinhos tintos com carnes vermelhas e caças. Esta regra básica pode se flexibilizar diante da diversidade gastronômica de hoje. Assim alguns elementos devem ser observados: textura, consistência, sabor, "peso" do prato, condimentos, pratos suculentos e untuosos, etc. O vinho dependerá da peculiaridade de cada prato.

Podemos ainda adotar o critério da geografia, com a combinação de vinhos e alimentos típicos de uma mesma região. Nhoque é massa italianíssima e massa é prato neutro de sabor delicado, cuja harmonização se faz de acordo com o molho utilizado.

Assim, para o nhoque tradicional, com molho de tomates, sugerimos duas opções de vinhos tintos:
  • Seral Corvina Veronese IGT 2003 - I CASTEI - Michelle Castelani - Veneto (Decanter, R$ 47,40) - uva Corvina de Verona, do Vêneto (região que produz também os vinhos na área de Valpolicella, originando os vinhos do mesmo nome, bem como o Amarone). Características: vinho tinto com muito frescor (acidez) e taninos leves, compatíveis com os 13,5% de álcool, casando mito bem com a acidez do molho de tomates.
  • Outra opção, agora um pouco mais potente será o Tenuta Santedame 2005 Chianti Classico DOCG - RUFFINO (Franco Suissa, R$ 85,90) - uva sangiovese típica da região de Chianti, na Toscana. Características: vinho tinto com acidez e taninos suaves, porém mais destacados, vinho mais encorpado, com 13,5% de álcool, que combinará muito bem se você optar em agregar ao prato o queijo parmesão ralado na hora.

Para o nhoque recheado e ao molho bechamel, duas opções: um branco e um tinto:

  • O vinho branco da uva Pinot Grigio, bastante cultivada na Itália e que tem produzido excelentes exemplares, cai muito bem com o molho branco: Pinot Grigio Vigneto Corvara 2006 DOC Albino Armani (Decanter, R$ 65,90) - Vêneto. Características: fresco e intenso com equilíbrio alcoólico (12,5%), acidez perfeita (20% passou por malolática, termo enológico do qual falaremos em outro momento), certo para o prato rico e delicado.
  • Outra opção, para quem prefere vinhos tintos, seria um tinto leve e fresco como o Barbera Piemonte 2005 DOC Piemonte/Monferrato - Dezzani (Decanter, R$ 39,10) - vinho da uva barbera. Características: leve, pouco corpo, teor alcoólico 12,96%, acidez destacada compatibilizando bem com o recheio de salame.

Cláudia Elaine Garcia de Oliveira
Enófila, consultora de vinhos

Onde encontrar:
Decanter: Villa Borghese Gourmet, Rua Mato Grosso, 290/tel. 3877.4576
Franco Suissa: Laticínios Marcelo, Rua Osvaldo Cruz, 319 lj. 201/tel. 3234.1861

Fonte: AT Revista (Comentário em destaque da Matéria BOA MESA por Fernanda Lopes "Uma Lenda para saborear" • HARMONIZAÇÃO COM VINHOS) • Jornal A Tribuna • Ano 4 • Edição 178

Harmonização
.:: • © Copyright 2007 - 2021, ENOAMIGOS ® • Santos • São Paulo • claudia@enoamigos.com.br • http://www.enoamigos.com.br .::
.:: • PORTALWEB 6.0 ® • WCMS Web Content Management Systems • Development for Santos Digital ™ Global Strategy