Artigos
 VER TODOS OS ARTIGOS 

Momento DiVino "Bons ventos e bons vinhos - Viñedo de Los Vientos" 14/04/17 - A Tribuna Jornal - Santos
MOMENTO DIVINO 14-04-2017

Santé! Enoamigos leitores, não é à toa que venho publicando sobre os vinhos uruguaios. O motivo principal é o fato de uma das minhas três filhas residir em Montevidéu atualmente. Momento oportuno para estar mais próxima de rótulos desses pampas gaúchos. E a cada visita às bodegas, me surpreendo com tanta diversidade, paixão e aprimoramento.


Desta vez visitei o Viñedo de Los Vientos, em Atlântida, um balneário bem próximo à Montevidéu, na direção de Punta. Aliás, nesse pequeno e abençoado país tudo é perto! Fui recebida por Mariana Cerutti que ao lado do marido, o enólogo e artista plástico, Pablo Fallabrino, se incumbem da criação de vinhos artesanais de expressão e personalidade, fugindo da standartização ou massificação de vinhos industrializados.


Caminhando pelos lindos campos da propriedade a visão é deslumbrante. E entre os vinhedos que ocupam 17 dos 30 hectares totais, são cultivadas as uvas tintas Tannat, Cabernet Sauvignon, Ruby Cabernet (cruzamento da Carignan e Cabernet), Nebbiolo e Barbera. As brancas são Chardonnay, Moscato Bianco, Gewürztraminer e Arnéis.


Aos 17 anos de idade Pablo assumiu a responsabilidade da vinícola iniciada pelo avô e que até então produzia vinhos de mesa. E Pablo revolucionou essa história plantando também uvas italianas e introduzindo maquinário de ponta adquirido na Itália, para vinificação. Assumiu o risco da inovação e com êxito produziu vinhos varietais que alcançaram muito sucesso, dando notoriedade a vinícola. A filosofia da vinícola é criar novos sabores combinando a excelência das uvas trabalhadas com antigas e modernas técnicas de vinificação. Mariana segue me contando que tratam o vinhedo da maneira mais sustentável possível, e todo o subproduto da vinificação, como por exemplo os bagaços são reutilizados no próprio solo.


Na Colina de Ouro, a parte mais alta do local, estão plantadas as uvas Tannat, em emparrada ou latada, como conhecemos aqui. Essas uvas recebem os ventos que sopram do oceano e do rio La Plata, proporcionando mais qualidade e total sanidade. O restante do vinhedo tem a condução em espaldeira.


Uma curiosidade é que o veio artístico de Pablo o faz criar os rótulos lindos. Alguns ele tem em mente antes mesmo que os próprios vinhos. Assim foi com a novidade que provei, servida por Pablo em primeiríssima mão, o vinho Anarkia 2016. Um puro Tannat de uma colheita vintage, leia-se estupenda, com vinificação bem natural, com leveduras da própria uva, sem adição de sulfitos. Numa concepção anárquica surgiu um vinho simples mas de punho forte, a expressão da fruta. Anarkia foi apresentado ao Brasil esta semana no lançamento do Guia Descorchados 2017, onde obteve 93 pontos do Patrício Tapia como vinho revelação.


A Viñedo de Los Vientos elabora assemblages com diferentes cortes e em seu portfólio encontra-se o branco Estival (Gewürztraminer / Chardonnay / Moscato Bianco) e o Arneis-Chardonnay. Já os tintos são o Tannat, o Catarsis(Cabernet Sauvignon / Tannat / Barbera), o Eolo Gran Reserva (Tannat / Rubi Cabernet), e o Angel´s Cuvée 2008 (Ripasso de Tannat). O licor de Tannat finaliza a linha da bodega que prioriza criatividade e arte. Tive o privilégio de provar todos, um deleite! Até a próxima taça!


momentodivino@atribuna.com.br



Viñedo de Los Vientos


Ruta 11 Km 162 - Atlantida, Uruguai


info@vinedodelosvientos.com


 


 


PROVEI E INDICO


Estival 2016

Uva: 60% Gewürztraminer 30% Chardonnay 10% Moscato Bianco
Cor: amarelo claro brilhante 12,5°GL
Nariz: flor branca, lichia, abacaxi, cítrico, especiarias e toque mineral
Boca: seco, boa acidez, corpo médio, saboroso, longo
R$ 68,00




 


PROVEI E INDICO

Anarkia 2016
Uva: Tannat 14° GL
Cor: vermelho rubi
Nariz: perfumado, violeta, frutas vermelhas, mirtilo, compota de ameixa
Boca: seco, fresco, corpo médio menos, taninos macios e delicados, saboroso e persistente
* Ainda sem preço no Brasil


 


 



PROVEI E INDICO
 


Eolo Gran Reserva 2012 (36 meses carv. francês)
Uva: 85%Tannat e 15% Rubi Cabernet
Cor: vermelho rubi intenso 14° GL
Nariz: Frutas negras, ameixa, alcaçuz, menta, tostados
Boca: seco, ótima acidez, bom corpo, taninos aveludados, elegante e persistente
R$ 81,00



Todos os rótulos na www.wine.com.br


 
► Baixe o Artigo em PDF


 



 
  Início
Vídeo
Download
Fale Conosco
Cadastro
  Institucional
Cursos
Degustações
Enoturismo
Enopoemas
Dicas
  Cláudia Elaine Garcia de Oliveira
Artigos
Enonews
Momento Divino
Fotos "Social do Vinho"
Saiu na Mídia
 
 
.:: • © Copyright 2007 - 2017, ENOAMIGOS ® • Santos • São Paulo • claudia@enoamigos.com.br • http://www.enoamigos.com.br .::
.:: • PORTALWEB 5.0 ® • WCMS Web Content Management Systems • Development for Santos Digital ™ Global Strategy